Meu amado Jan

Nesses dias em que convivi com o Jan, pude experimentar um amor sem tamanho. Não tenho palavras pra expressar a gratidão de poder  retribuir todo o amor que sinto pela mãe dele e, consequentemente, por ele.

Por mais que daqui uns anos ele já nem lembre dessa experiência, tenho que certeza que, nesse curto período de tempo, consegui, de alguma forma, influenciar no seu desenvolvimento.

O tempo todo me empenhei em estabeler uma relação de confiança e muito carinho, me dedicando integralmente quando estávamos juntos. Estabelecemos uma rotina, onde fazíamos diversas atividades, brincávamos e aprendíamos coisas novas.

Não economizei nos beijos, colos e abraços. A hora da soneca se tornou meu momento favorito, pois, apesar do ranço, ele adorava ficar bem agarradinho e esse era nosso momento de maior conexão. Às vezes, eu não tinha nem coragem de largá-lo, dormíamos os dois assim, abraçados.

E agora que ele voltou pra casa dele lá na Alemanha, não me entristeço com a saudade, pois sei que nosso amor permanecerá. 

IMG_20180302_153416

Beijos!

Até a próxima!

Gostou? CURTA e COMPARTILHE com seus amigos!

Tem sugestôes? Deixe nos COMENTÁRIOS ou mande uma MENSAGEM!

Lembre-se de SEGUIR o blog para ficar por dentro das novidades!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: