Meditar para visualizar

Existem diversos motivos pelos quais as pessoas procuram a meditação: limpar a mente, autoconhecimento, busca por tranquilidade, conexão com o universo e etc.  Da mesma forma, existem várias formas de praticá-la, porém todas têm o mesmo objetivo: interiorização e expansão da consciência.

O bom nisso tudo é que podemos ir nos experimentando até encontrar a melhor forma para entrar em estado meditativo e ter experiências maravilhosas. Ou, você também pode se utilizar dessas diversas formas sem necessariamente escolher uma em particular, não precisa ser sempre igual. 

Já estabelecemos que tudo ao nosso redor foi visualizado antes de se tornar realidade. E é justamente esse o foco de hoje: como a meditação e a visualização criativa podem caminhar juntas. A meditação guiada com visualização é uma prática fácil de fazer, na qual você se deixa conduzir por um guia, sem se preocupar com as imagens nesse primeiro momento, o importante é sentir.

A meditação nos conecta com a nossa verdadeira essência, permitindo que possamos perceber a vida e a nós mesmo com mais clareza. Ela ajuda a acalmar nosso corpo e emoções, de forma que possamos nos concentrar melhor e ver mais claramente nossos objetivos e soluções. 

Com base nisso tudo, fica fácil estabelecer uma ligação entre a meditação e a visuaização criativa. Ambas são técnicas muito parecidas, e consistem no poder da nossa mente. Fazendo com que nossas ações nos levem à meta estabelecida.

Eu, particularmente, acho que a meditação é um ótimo treinamento para a mentalização. Por isso trouxe algumas dicas que irão ajudá-lo a adquirir esse novo hábito:

Ambiente

Procure um lugar calmo e elimine todas as distrações: desligue a TV  e/ou o rádio, feche as janelas e, se necessário, a porta. Caso você more com outras pessoas, peça gentilmente para que elas cuidem o barulho durante esse período de meditação.

Você pode criar uma clima propício, quem sabe um vela aromática, algumas flores ou um incenso. Você também pode colocar músicas suaves e relaxantes para entrar no clima. Sugiro que diminua as luzes para ajudar na concentração.

Despertador

Não é legal interromper a sua concentração para pensar no horário, por isso programe o despertador do seu celular para o horário desejado, assim poderá se dedicar totalmente à prática.  Não se sinta pressionado a começar com uma hora já de cara, vá devagar. Comece com sessões de 3 a 5 minutos, e vá aumentando até chegar a um período que considere satisfatório.

Conforto

Use roupas confortáveis e arejadas, para não correr o risco disso atrapalhar a sua concentração. Futuramente você poderá utilizar-se da meditação em momentos de stress, porém, nesse primeiro momento, procure meditar quando já estiver relaxado. Faça um lanchinho se estiver com fome, use o banheiro se precisar e assim por diante.

O zafu é uma almofada circular muito utilizada para meditação, mas você não precisa sair correndo para comprar uma. Qualquer almofada ou travesseiro servem, você também pode sentar em uma cadeira, se achar que ficar muito tempo sem apoio lhe da rádor nas costas.  Porém, apoie-se no encosto por pouco tempo, apenas para descansar, depois retorne à postura anterior.

Posicione as pernas da maneira mais confortável para você, o mais importante é que a postura permaneça reta, não se preocupe com as mãos, apenas as mantenha descruzadas. Incline o queixo como se estivesse olhando para baixo, isso ajuda a abrir o peito e facilitar a respiração. Há quem prefira meditar de olhos abertos, mas no começo sugiro que você permaneça com eles fechados.

Concentração

No ínicio, você pode ter pouca facilidade em se manter concentrado e com a mente limpa, por isso a meditação guiada pode ser uma boa opção. Porém, existem outras técnicas que podem ajudá-lo.

A que eu acho mais eficaz é se concentrar na respiração. Mantenha a boca fechada, inspirando e expirando pelo nariz, porém, não se esqueça de relaxar os músculos do maxilar (uma coisa que me ajuda e manter a lígua entre os dentes). Relaxe e concentre-se na sua respiração, isso faz com que os outros pensamentos desapareçam gradativamente.

O objetivo é estar presente em cada respiração, não descrevê-la. Concentre-se no ar entrando pelo seu nariz, enchendo os seus pulmões, sendo enviado para sua corrente sanguínea, purificando o seu organismo e, posteriormente, saindo de volta e levando consigo tudo que é tóxico.

Se outros pensamentos surgirem, tudo bem. Apenas retome sua atenção de volta à respiração. Sempre que perceber o mundo exterior se infiltrando, ignore-o e volte seu foco para a sensação da respiração no seu corpo e deixe os pensamentos esvanecerem novamente. Uma dica que eu já usei muito, é contar as respirações para manter o foco por mais tempo.

Conexão

Essa é uma consequência natural do processo de meditação. Com o tempo, conforme você vai praticando, conecta-se cada vez mais com sua essência. Só não fique se preocupando em estabelecer essa conexão, ou acabará tendo o efeito contrário. O segredo está em justamente guiar o processo conscientemente. Como eu falei, essa conexão é uma consequência natural, então não tente forçá-la.

Não se cobre

Essa é a dica mais importante que posso lhe dar. Entenda que esse é um processo  gradual e que cada dia é uma vitória. Imprima emoções positivas e ficará cada vez mais fácil e prazeroso. Não se censure, se tropeçar, apenas levante-se e siga em frente. Continue a praticar todos os dias e você perceberá, aos poucos, que um estado de paz se desenvolve internamente. 

Acredite em você e em todo o seu potencial, essa é a forma mais poderosa para transformar sonhos em realidade.

Beijos!

Até a próxima!

Gostou? CURTA e COMPARTILHE com seus amigos!

Tem sugestôes? Deixe nos COMENTÁRIOS ou mande uma MENSAGEM!

Lembre-se de SEGUIR o blog para ficar por dentro das novidades!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: